@eduyoshida's blog » Tecnologia

Category: Tecnologia

jul 19 2012

Criando conta gratuita dominio no dyndns – free account

Como criar uma conta (e dominio) gratuita no Dyndns / Dyndns free account

Todos já sabem que o dyndns deixou de ser gratuito, quem possui conta(s) permaneceu, porém qualquer conta nova agora é paga.

Mas ainda é possível ter uma conta e um domínio gratuito..
A Dlink possui parceria com a dyndns e através do site da dlink é possível criar uma conta por email nos seviços do DynDns, a única restrição é que o domínio tem que ser dlinkddns.com, ou seja seu domínio te´ra quer ser QUALQUERCOISA.dlinkddns.com

Basta seguir os passos/ just follow the steps:

1- Entrar no site da Dlink Dynamic DNS: https://www.dlinkddns.com/signin e cadastre uma nova conta:

dlink1

2- Logue no sistema:

dlink2

3- Clique em “Add Host”:

dlink3

4- Escolha um sub-dominio (o domínio principal tem que ser o dlinkddns.com que já vem selecionado).

dlink4

Pronto, só isso, você já poderá configurar seu DNS apontando para os serviços do Dyndns.org (no seu roteador por exemplo)

@eduyoshida

jul 17 2012

Recovering the IP cam FOSCAM camera and others from errors

English | Português
Algumas pessoas tem tido problemas com a atualização de firmware da IPCAM FOSCAM (ou genéricas) , causando um erro aparentemente irreversível “Error Web UI

‘(app_ver = ’0 .0.0.0′), então gerei esse passo a passo demonstrando como recuperá-la, fazendo um downgrade para uma versão funcional. Não é necessário adquirir

nenhuma “pláquinha mágica” que faça isso como dizem alguns sites…

Você só precisa saber qual o IP da câmera (e que ela esteja pegando um IP ainda) e possuir uma ferramenta que execute comandos HTTP via linha de comando.

windows/linux

1- Resete sua câmera para as configurações de fábrica segurando o botão reset por alguns segundos com um ‘clips’;

2- Baixe a ferramenta “Curl” que será usada para enviar comandos HTTP e arquivos para a câmera;

Download aqui (escolha seu sistema operacional) : http://curl.haxx.se/download.html

3- Descompacte o arquivo baixado em um diretório e deixe junto com os arquivos de firmware da câmera;

4- Como o programa ‘IP Camera’ que vem junto com a camera não deve estar funcionando também, descubra o IP de sua câmera de outra forma, olhando no roteador,

passando um Scanner na rede, etc (várias maneiras no google);

5- Sabendo o IP, abra o Terrminal/Prompt e navegue até o diretório do Curl/firmwares

Ex: cd \camera (win) | cd /camera (linux)

6- De dentro do diretório, execute os seguintes comandos em ordem, substituindo o [IP] pelo Ip da câmera e substituindo os nomes dos arquivos que você quer colocar na câmera. Para o exemplo será usado o firmware “lr_cmos_11_14_1_42.bin’ e o WEB UI “2.4.8.11.bin”

Execute os comandos em ordem:

Primeiro comando:

curl.exe –user admin: –form file=@lr_cmos_11_14_1_42.bin “http://[IP]/upgrade_firmware.cgi”

(Espere pelo resultado do comando, aparecerá “OK”)
Segundo comando:

curl.exe –user admin: “http:/[IP]/reboot.cgi”

(para rebootar a câmera)

Third comando:

curl.exe –user admin: –form file=@2.4.8.11.bin “http://[IP]/upgrade_htmls.cgi”
(Espere pelo resultado do comando, aparecerá “OK”)

Quarto comando:

curl.exe –user admin: “http:/[IP]/reboot.cgi”

(para rebootar a câmera)

PRONTO, sua câmera estará recuperada com o firmware que você acabou de colocar.

=====

English | Português
Recovering the IP cam FOSCAM camera from “Error Web UI ‘(app_ver = ’0 .0.0.0′) or other problem. (No needing to buy anything)

windows/linux

English | Português

If you are unable to access the Web interface of the camera because of an unsuccessful upgrade, you can still perform a downgrade to a functiooal ‘firmware/web UI’.

The only requirement is that it is still possible to execute HTTP commands, even for the command line, which is the method used and that you know the cam’s IP.

1- First of all reset your camera with a clip (holding the reset button for few seconds)

2- Download the program “CURL” which will be used to send commands and send files to run the camera.

Download here (choose your OS) : http://curl.haxx.se/download.html

3- Unzip the file into a directory eg c:\camera\, and put the files that you would like to send to the camera in the same directory.

4- As the program “IP Camera” might not work too, look in the router which IP your camera is using. Or use a specific program to scan your network to find

out. (Google it)

5- Knowing the IP camera, go to the command line prompt and navigate to the directory that you unzipped the CURL proogram and containing the files to be placed in

the camera.

eg “cd \camera”

6- From within the directory, execute the following commands in order, replacing the [IP] for to camera’s IP and replacing the name o files that you want to put in

to the camera. For the example will be used the firmware “lr_cmos_11_14_1_42.bin’ and the WEB UI “2.4.8.11.bin”

Execute the command in order:

First command:

curl.exe –user admin: –form file=@lr_cmos_11_14_1_42.bin “http://[IP]/upgrade_firmware.cgi

(Wait for the results of the command, it should be “OK”)

Second command:
curl.exe –user admin: “http:/[IP]/reboot.cgi”

(To reboot the cam)

Third command:
curl.exe –user admin: –form file=@2.4.8.11.bin “http://[IP]/upgrade_htmls.cgi”

(Wait for the results of the command, it should be “OK”)

Fourth command:

curl.exe –user admin: “http:/[IP]/reboot.cgi”

(To reboot the cam)

THE CAMERA WAS RECOVERED.
IP Câmera utilizado como referência / IPCAM used in this tutorial: http://dx.com/p/standalone-ip-wireless-wifi-lan-camera-with-night-vision-and-pan-tilt-motors-26358

@eduyoshida

jul 14 2012

Como usar a Internet do PC no Android / Reverse Tethering

Caso vc não tenha um roteador wifi acessível, você pode ‘compartilhar’ o acesso a internet do seu computador com o seu Android via o cabo USB. / If you dont have a wireless access, you can share your computer’s internet access with your android device by an USB cable

… é bem parecida com a última e ‘antiga’ dica, porém tem finalidades diferentes =] :

Para quem:
- não tem plano de dados no Smartphone,
- tem uma velocidade limitada de dados ou tráfego de dados limitado,
- ou qualquer um que queira usar a velocidade da internet do computador no seu Android

Para isso você precisa: / you wil need

A- Android (mínimo 2.3.x) com permisões de Root (vários apps fazem isso automaticamente, ‘Google It’); / An  android device with root permissions
B- O App ProxyDroid (baixe no Market) instalado;/ ProxyDroid App (get from market)
C- O computador/servidor (Linux no exemplo) com SSH Server para que sirva de proxy Socks5 . / A computer/server with ssh server to serve the socks5 proxy

É bem simples:

1- MONTE A REDE: /make the network
- Ligue seu aparelho via cabo USB no computador. / Plug your device to Computer
- No Android, vá em ‘Configurações‘ > ‘Aplicativos‘ > ‘Desenvolvimento.’ E Ligue a opção ‘Depuração USB‘.
- No Android, vá em ‘Configurações‘ > ‘Redes sem fio e outras‘ > ‘Roteador WiFi e por cabo‘ E Ligue a opção “Vínculo USB” .

Proxy1"

2- CRIE UM PROXY SOCKS5 SERVER
- No seu computador – para este exemplo será usado um Linux, mas também funciona com o Windows, basta instalar um servidor SSH – abra um terminal e digite: /On Computer, Turn On your Proxy  Server with the command line
ssh -D 0.0.0.0:6666 127.0.0.1

3- CONFIGURE O CLIENTE NO ANDROID
- Abra o aplicativo ProxyDroid e configure as opções: /Open the ProxyDroid app

- HOST: Coloque o IP que seu computador ‘ganhou’ quando ligou o Vinculo USB (ifconfig para descobrir, não confunda com o outro endereçoIP) / Computer’s IP (same network of the android device)
- Port: 6666 (a mesma do comando SSh no computador) /
- Proxy Type: SOCKS5
-Ligue a opção ‘Global Proxy
-Ligue a opção ‘DNS Proxy

Por último ligue o “Proxy Switch” (primeira opção de cima no app) / Turn On Proxy Switch

proxy2
proxy3

Tudo isso pode ser feito com Wifi também, a única diferença é liigar a opção Roteador Wifi em vez do Vínculo USB, porém precisará de um adaptador Wifi USB. =]

É isso, use a velocidade de sua internet do PC no seu Android sem roteador wireless!


@eduyoshida

ago 17 2011

Tunelar a conexao no Android (Criptografar)


Diquinha simples mas eficiente:

Caso queira/precise utilizar uma conexão wireless, pública ou não e esta não seja muito confiável, você pode tunelar todo seu acesso a Internet via uma conexão SSH (criptografada).

Para isso você precisa:

1- Android com permisões de Root (vários apps fazem isso automaticamente, ‘Google It’);
2- O App SSHTunnel (baixe no Market)
3- Um computador/servidor SSH Server para que a conexão seja tunelada para ele.

A configuração é bem trivial mas segue a configuração básica para funcionar:

‘Abra’ o App SSHTunnel e configure as opções:

1- Em SSH Tunnel Settings:
- Host: Endereço do seu servidor SSH
- Port: A Porta do serviço SSH (Se vc não mudou, o padrão é 22)
2- Account Information:
- User: Usuário do SSH
- PAssword: Senha do SSH

tunnel1

3- Port Forwarding
- Habilite a opção : “USe socks proxy”

tunnel2

4- Feature Settings
- Habilite a opção: “Global Proxy”

tunnel3

Agora Adicione um WIDGET em seu “desktop”

Enfim, para habilitar basta clicar no Widget adicionado, quando o ícone ficar verde, a conexão estará ‘Tunelada’. Para desconectar, basta clicar de novo.

tunnel4tunnel5

Você pode personalizar o App, mas a configuração básica é esta.

Lembrando: Isso não vai garantir TODA a segurança da sua conexão, apenas irá criptografar todo seu tráfego com a Internet, não permitindo que ninguém “snife” seus dados, sugiro usar o App em combinação com o DroidWall que é um App que cria regras IPTables no seu Android.

É isso.

@eduyoshida

abr 29 2011

Habilite e Configure a verificação em duas etapas em sua conta do Gmail e Google – Tutorial Completo

Habilite e Configure a verificação em duas etapas em sua conta do Gmail/Google – Tutorial Completo (2-step verification setup)

Link curto:
http://eduyoshida.com.br?e=5b1b5fd

Contextualização:
Para um autenticação ser considerada segura, deve haver pelos menos a combinação de duas das formas de autenticação abaixo:

1- “O que você sabe” — Ex: usuário e senha ;
2- “O que você tem” —- Ex: Um token, smartcard, uma chave, etc (alguma coisa física que você tem posse) e
3- “O que você é” —- Ex: Impressão digital, leitura de íris, retina, etc

A verificação em duas etapas do Google vem exatamente para isso: Adicionar a autenticação pelo ‘que você tem‘ (no caso seu aparelho celular), à autenticação padrão ‘o que você sabe” (usuário e senha).

Esta segunda autenticação é uma senha dinâmica, que muda a cada 30 segundos (gerada pelo aplicativo Google Authenticator do Android, iPhone e BlackBerry), que somente você possui em seu aparelho celular.
No caso de quem não tem um destes aparelhos, a segunda senha, que cada vez é diferente, é enviada por SMS para seu celular a cada vez que é utilizado seu usuário e senha no site do Google/Gmail.

IMPORTANTE: Quando a opção de Verificação em duas Etapas é habilitada em sua conta do Google, você passará a utilizar sua senha padrão apenas para logar diretamente nas páginas do Google (Gmail, Youtube,etc).
Para os acessos de aplicativos como Gtalk, Android, Addons à sua conta do Google será necessário criar as “senhas específica de aplicativo ” (Demostrado no final do tutorial).

Vantagens:

1- Se alguem descobrir sua senha do Google de alguma forma, mesmo assim não conseguirá acessar sua conta, pois somente você terá seu celular que contem a segunda senha (Google Authenticator ou SMS) ;

2- Não precisará mais configurar sua senha em locais públicos e correr o risco que ela fique salva no computador utilizado.

Já a algum tempo atrás o Google disponilizou esta forma de autenticação, porém muitas contas ainda não a possuem a função habilitada, isto por causa do idioma que é utilizado nas configurações de sua conta do Google. Neste caso, basta alterar o idioma para Inglês (também está descrito no tutorial) e realizar os procedimentos.Depois pode voltar para idioma portugues de novo.

Vamos lá:

1- Entre nas Configurações Pessoais de sua conta do Google e verifique se a opção de Verificação em duas etapas está disponível para utilização:
Settings -> other account settings > personal settings
Se sua tela CONTIVER (tela abaixo) a opção “Using 2-step verification”, pule para a etapa 3 deste tutorial.

2-step

Caso não tenha (tela abaixo), siga pela etapa 2.

sem-2-step

2- Habilitando a opção de Verificação em duas etapas:

Para isto, basta alterar o idioma para ‘English‘ nas configurações de sua conta do Gmail e Salvar:

english

Depois do final do tutorial pode voltar para o idioma portugues de novo.

3- Habilitando:

Volte nas Confgurações Pessoais e clique em “using 2-step verification”:

2-step

Clique em Set up 2-setp verification:

setup

Escolha se seu celular ´Android, iPhone, BlackBerry ou Outros” :

choose

Se tiver escolhido Android, iPhone ou BlackBerry vá para a etapa A do tutorial , se escolheu Others vá para a B (Others)

A- Caso seja Android. Iphone ou BlackBerry, instale o aplicativo “Google Authenticator” (instale pelo Market) e o use para ler o QRCode (código 2D) gerado na tela:

qrcode

=======
obs: Caso não consiga utilizar o QRCode, não se preocupe, clique em :
Can’t scan the QR code?
E no Google Authenticator, selecione “Manually add account” > “Enter account name” e digite seu email. Em “Enter key” digite sua chave secreta que aparecerá (não precisa digitar os espaços) e escolha “Time-based” em type of key. Salve.
=======

– Clique em Next:

confirm

- Clique em Next:

next1

BCaso tenha escolhido “Outros aparelhos” (Others) , insira o número de seu celular com o DDD e clique em “Send Code”. Você receberá um SMS com o código, digite no espaço reservado (Code) e clique em Verificar. e Clique em Next:

others

- Clique em Next:

others2

4- Códigos de Verificação e núemro de celular de Backup:

Nesta etapa será disponibilizado para você alguns códigos emergenciais de Backup para o caso de perda doseu celular e também precisará configurar um número celular de Backup que possui permissão para receber o código de verificação em caso de necessidade:

A recomendação é imrpimir e guardar os números:

Após isso, Habilite o checkbox “Yes, I have a copy of my backup verification codes” e clique em Next.


codes

Insira um número de celular de backup, pode ser de um amigo ou parente e clique em Next:

backup-phone

Clique em Next nesta tela:

sp-pass

Pronto, confirme os celulares inseridos e clique em “Turn on 2-step verification” para Habilitar a verificação em duas etapas:

OK

5- Configurando senhas especificas para aplicativos:

Clique em Criar Senhas no aviso recebido:

passwords

Adicione o nome que representará o aplicativo que precisará da senha específica de aplicativo ( ex: o p´roprio Android , Gtalk, etc ) e clique em Gerar Senha:

pass2

Pronto, aparecerá a senha que você deve utilizar nos aplicativos. Esta senha não precisa ser memorizada ou guardada pois será configurada apenas uma vez. Você pode e deve criar quantas quiser conforme a necessidade e também deve ANULAR a senha quando não precisar mais dela:

OK

6 – Utilizando a Verificação em duas Etapas:

Agora, sempre que for logar no Gmail/Google/Youtubee você passará por duas telas de autenticação:

A primeira normal: usuário e senha:

login1

e a segunda que deverá digitar o código que está aparecendo no momento no seu Google Authenticator ( no Android, iPhone e BlackBerry) ou que receberá por SMS (Outros celulares):

login2

Pronto !!

Você está utilizando o 2-step Verificaion do Google e sua conta está mais segura.

Não esqueça de criar as senhas específicas e colocar no celular pois sua conta que está configurada com usuário e senha no celular vai dar erro de autentição.

@eduyoshida
Tweet this. =D

abr 20 2011

Instalando o Debian com ferramentas de Sniffing no Android.

Instalando o Debian (em Chroot) com ferramentas de Sniffing no Android.

Como sempre é bom deixar claro que não me responsabilizo com o que pode acontecer com seu aparelho e nem com o uso que fará da ferramenta.

Não serei muito detalhista pois se você deseja utilizar ferramentas de Sniffing, suponho que já possua um conhecimento básico sobre isto.

Pré-requisitos

1- BACKUP FULL – Antes de tudo faça um backup de todo seu sistema (Se você não sabe como fazer isso, não prossiga)

2- ROOT – Você precisará de permissão de Root

3- BUSYBOX Instalado- Instale o BusyBox (ferramentas Unix) a partir do MARKET (Root necessário)

4- Um Kernel que suporte Loopback e FS ext2, pode ser o MOD do Cyanogen.

5- Download da Imagem do Debian
Link: http://eduyoshida.com.br?e=79a1300

Obs. este pacote personalizado já possui várias ferramentas instaladas como openssh, libpcap, libpcap-dev, ettercap, wireshark, carwhisperer, btscan, nmap, ntbscan, etc (outras podem ser instaladas via aptitude)

6- Script de Instalação
Link: http://eduyoshida.com.br?e=0f8e0bc

Procedimentos:

1- Descompacte os dois arquivos baixados e copie todos os arquivos para o diretório /sdcard/debian/

2- Abra seu Emulador de Terminal preferido (aconselho o ConnectBot) e execute os seguintes comando em sequencia:
– su (para executar commandos como root) ;
– bash (para executar o bash shell);
– sh ./sdcard/debian/debian.sh (para executar o script de instalação);
– debdroid (Comando para entrar no chroot no debian ); (após digitar este comando, será solicitado que digite o número que aparece junto ao dispositivo ‘loop’ ex: se aparecer loop0, apenas digite 0)

tela debian

Pronto ! Já estará na linha de comando do Debian….
Já poderá sniffar o tráfego de outras redes wireless em sua interface wlan com o ettercap por exemplo (farei um outro tutorial em breve de como utilizar as ferramentas)

Obs: caso esteja utilizando o APPD2SD, por um problema de conflito ,TALVEZ precise mover todas suas aplicações para a memória interna no Aparelho.

@eduyoshida

jul 27 2010

ScummVM (Jogos Lucas Arts: Full Throttle / The Dig / etc ) no Android do Milestone

ScummVM é um software que roda uma “máquina virtual” que suporta rodar jogos antigos da Lucas Arts, como:

- Full Throttle
- The Dig
- Day of Tentacles
- Maniac Mansion
- Sam & Max
- Monkey Island 2
- etc

Full Throttle

Full Throttle - by Adrien

Quem procura pelo ScummVM conhece ou pelo menos já ouviu falar desses jogos.
Estou disponibilizando aqui a versão para Android:

É bem simples:

1- Baixe o este … Read more »

jul 27 2010

DOSBox no Android do Milestone

Para quem não conhece o DOSBOx, é um emulador do DOS para diferentes plataformas, como Windows, Linux, MAcOS, ANDROID etc… Ele emula o processador, FileSystem, placas gráficas (VGA/VESA/…) e o som (SoundBlaster).
Ideal para quem gostava dos jogos que só rodavam em DOS (hoje são considerados “Abandonwares”) e quer relembrar esses jogos nos sistemas operacionais recentes….
Apesar de a maioria dos jogos ficarem lentos no Milestone (no pc rodam normal), alguns rodam bem, então fica a critério de cada um realizar os testes nos jogos preferidos.

Alone in the dark

Alone in the dark - @eduyoshida

Bom, é bem simples:

1- Baixe o aplicativo aqui, descompacte e … Read more »

jul 26 2010

Android + QR Code ou Bar Code (Testado e aprovado no Milestone)

Para quem não conhece o QR code, podemos dizer que é uma evolução do código de barra. Só que por ele possuir duas dimensões (2D), há  capacidade de armazenar muitos mais informações do que o código de barras comum que possui apenas uma dimensão, além disso, pode-se escolher o tipo de informação a ser armazenada, ex: Lista de contatos, URLs, Telefones, SMS, etc. A câmera do celular fará o “papel” que seria do leitor infravermelho. (Há também aplicativos para Iphone/Itouch que fazem a mesma coisa)

Segue um site que possui o sistema de gerar um QR Code:

http://zxing.appspot.com/generator/

Este exemplo abaixo é um QR Code do tipo “lista de contato” :

Exemplo de QR Code de contato - eduyoshida

e possui as seguintes informações:

Name: eduyoshida
Company: SuperRV TEAM
Phone number: 0000000000
Email: eduyoshidas[at]hotmail.com
Address: MC
Address 2: São Paulo
Website: www.eduyoshida.com.br
Memo: Teste de QR Code

Há muitos aplicativos para Android que conseguer ler QR Codes e códigos de barras e com apenas com um “clique” adicionar um contato a sua lista, enviar um SMS, entrar em um Web site, etc.
O que estou usando e recomendo é o “Barcode Scanner”.

Entre no Android Market, procure por “Barcode Scanner” e instale-o.
Para testá-lo, basta executar o aplicativo e apontar a câmera (a uns 30cm do monitor) para o QR Code acima (na tela do computador mesmo!). Quase que instantaneamente as informações estarão no aparelho celular esperando uma ação dependendo do tipo de QR Code, como por exemplo adicionar aos contatos, abrir no browser, enviar SMS, etc

Segue outro exemplo (web site):

Exemlpo de QR Code de URL - eduyoshida

Pode ser útil para se “digitar” uma URL muito grande diretamente do celular quando se precisa baixar alguma coisa especifica pelo aparelho.  Basta criar o QR Code do web site que deseja no computador, usar o aplicativo  para ler o QR Code no monitor e abrir diretamente no celular.

Caso não esteja com o celular e queira “ler” um QR Code, basta utilizar um decodificador de QR Code, como este:

http://zxing.org/w/decode.jspx

É isso.

@eduyoshida
Tweet this. =D

jul 25 2010

Conseguindo Root no Milestone com Android 2.1-update1 (inclusive Vivo)

==========================
Como eu não estava conseguindo “Rootear” meu Milestone da Vivo com o Android 2.1.update1 e percebi que algumas pessoas também estavam tendo a mesma dificuldade, resolvi postar os passos com os quais obtive sucesso. Méritos ao amigo Adrien que me indicou os arquivos corretos. Não será perdido  nada no aparelho e a versão continuará a mesma!  Quem quiser tentar esteja a vontade, porém os riscos ficam por sua conta.
Não serei muito detalhista pois quem quer obter Root no celular, certamente sabe pra que isto serve e possui um conhecimento mínimo.

Requisitos:
- Download do pacote de arquivos necessários:
http://megaupload.com/?d=10J49DZ1
(Driver / RSD Lite / Vulnerable_recovery / OR-GOT)
(md5 c1f0de00da3f50a541b303608fdc1477)
- Windows XP/Vista/7

A- Preparação do ambiente

1- Baixe o pacote com os arquivos e descompacte em um diretório (Descompacte também os arquivos OR-GOR… e Vulnerable_recovery…);
2- Instale os Drivers (no pacote) do aparelho (caso ainda não esteja instalado);
3- Instale o RSDLite da Motorola (no pacote) no Windows;
4- Coloque o celular em modo de depuração USB (Configurações > Aplicativos > Desenvolvimento > Depuração USB);
5- Coloque o conteúdo do OR-GOT na RAIZ do cartão SD (diretório OpenRecovery e arquivo update.zip);

B- Execução

1- Abra o RSD como administrador;
2- Coloque o celular na tela de … Read more »